Pular para o conteúdo principal

JOVEM CRISTÃO: PORQUE ODEIAM CRENTE


Segura na mão do Pai que hoje vamos polemizar. Eu venho pensando durante os últimos quinze dias, sobre como e quando o adjetivo crente se tornou algo pejorativo. Olhando no dicionário, crente significa aquele que crê, acredita, ou tem convicção. Logo, todos somos crentes - talvez os bebês não, porque eu não sei exatamente como funciona a mente deles, mas todo o restante é crente. Um ateu, por exemplo, pode até não crer em Deus, mas ele crê que o sol nascerá amanhã ... dessa forma, ele não tem para onde ir, é crente. Dentre outras descrições presentes no dicionário para esse adjetivo, encontrei o termo ingênuo. Bom, antes fosse só isso que as pessoas achassem dos crentes, não é mesmo? Se fosse não seria tão popular o dito "crente do rabo quente" com o perdão da palavra, mas vamos usar tudo que for necessário aqui para você entender. 
Foi assim que os crentes passaram a ser tão odiados. Aliás, gostaria de deixar bem claro que eu estou ocupada demais com a minha vida, o suficiente para não odiar ninguém que não seja o próprio satanás, mas que isso não me torna cega. Ter bons olhos é bem diferente de fazer a egípcia e estou aqui para abrir o olho do jovem cristão - e o seu! - para que não seja mais um. 
Não há nenhuma passagem conhecida garantindo a santidade daquele que carrega uma Bíblia debaixo do braço e se veste como se tivesse acabado de voltar de um enterro, onde ele era o defunto engravatado. Mas o mínimo que a gente espera de alguém que recebeu o Espírito Santo é caráter. O que acontece é: uma porção incontável de pessoas aproveitadoras e/ou fingidas que dizem possuir o Espírito Santo mas agem sujando o nome de Deus, ao invés de glorificá-lo porque só vivem de aparência. Quer saber quem são? Aqueles que pregam algo grandioso, mas pra onde você olha transborda fracasso. Pessoas que falam da igreja pelos cotovelos, mas na hora de viver a igreja dão péssimo testemunho. Querem cobrar dos outros algo que nem elas fazem. Muitas vezes, pessoas que são mais do que membros na sua denominação e acabam confundindo as coisas e se vendo como um ser celestial. Esse tipo de gente na primeira oportunidade se coloca em primeiro lugar e chuta Deus para o segundo plano. Esse tipo de pessoa pode até ter saído do mundo, mas o mundo não saiu dela e por essa razão ela continua querendo dar "o jeitinho" que aprendeu lá fora, aqui dentro. Está errado! Não seja esse alguém, porque isso é hipocrisia. As pessoas odeiam crentes porque é onde estão concentrados os maiores números de hipócritas, falsos, fofoqueiros, mesquinhos, aproveitadores e dissimulados que existem. 
Vamos ver esse exemplo: você trabalha em uma empresa e lhe foi confiada a liderança de um projeto. Um líder de verdade trabalha para o sucesso do projeto e satisfação da equipe como um todo. Um líder ruim, por sua vez, trabalha iludindo a equipe para que eles derramem sangue se for necessário, desde que as coisas andem e todos vejam que ele é o bom. Infelizmente, de bom esse último não tem nada, a gente até consegue um adjetivo com b pra ele, mas seria babaca. 
O reino dos céus é a nossa empresa e Deus é nosso patrão. Jesus disse que a seara é grande e os trabalhadores são poucos, portanto precisamos de mais trabalhadores. Trabalhadores, aliás, dispostos a lutar pelo sucesso do projeto e satisfação da equipe e não benefício próprio. Você que já está dentro da igreja vai cumprir a missão que O Senhor te chamou pra cumprir, ou vai continuar difamando a sociedade cristã por aí? É necessário deixar o orgulho cair e aceitar que o bom não é você, mas Nosso Pai e que você pode ser bom através dEle, mas O bom sempre será Deus. Não é possível ser egocêntrico e cristocêntrico ao mesmo tempo, por isso reveja seus conceitos. 

Comentários

  1. Bem intenso seu texto Gabriela, concordo que hoje os cristãos são muito mal vistos pelos inúmeros péssimos testemunhos, porém, não é só no meio cristão que existe isso, mas ao carregar o nome de Jesus a conversa é outra.

    Agora o que é mais chato, é que existem sim, muitos cristãos, que honram o nome de Jesus, que procuram viver uma vida correta, não santa, pq que não somos Cristo, todos nos erramos todos os dias, pecamos, falhamos, e precisamos pedir perdão para recomeçar.

    O que me irrita, é a grande falta de respeito de todos os lados, de muitos cristãos para com os outros, por que nesse caso estão indo contra o que Jesus ensinou sobre o amor, e da mesma forma a falta de respeito de muitos contra nos que seguimos a Jesus Cristo.

    Enfim...

    lorraneejunior.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário